Videocirurgia na Veterinária - Um Grande Avanço

Veterinária

Imagine um método de cirurgia menos dolorosa para seu animal e de recuperação mais rápida. Pois bem, essa inovação já chegou! Trata-se da videocirurgia, técnica que traz grande avanço tecnológico à área cirúrgica veterinária.

A medicina humana já está mais familiarizada com essa técnica, como acontece com a videolaparoscopia de vesícula hepática e a cirurgia bariátrica. São procedimentos realizados rapidamente e poucos dias depois da intervenção, o paciente já está 100% recuperado. Como funciona a Videocirurgia na Veterinária? Através de um pequeno corte, chega-se com uma microcâmera, fonte de luz e um cabo insuflador até o local a ser operado. Com esses equipamentos podemos distender o abdômen com gás CO2 estéril e observar toda a cavidade (órgãos internos) através das imagens transmitidas pela câmera ao monitor. Uma processadora de imagens grava o vídeo e as fotos do procedimento. A qualquer momento o cirurgião poderá rever ou mostrar detalhes do serviço realizado, servindo as imagens inclusive como prova legal, se for necessário. Para o uso em cirurgias há disponibilidade de diversos instrumentais específicos. Uma processadora de imagens grava o vídeo e as fotos do procedimento. A qualquer momento o cirurgião poderá rever ou mostrar detalhes do serviço realizado, servindo as imagens inclusive como prova legal, se for necessário. Para o uso em cirurgias há disponibilidade de diversos instrumentais específicos. Utilidade A maioria das técnicas cirúrgicas abdominais e torácicas são viáveis por meio da videocirurgia. Em todos os casos, o método proporciona muito menos trauma e dor e mais segurança quando comparado com as cirurgias convencionais abertas. A nova técnica pode ser usada em: • Laparoscopia exploratória: Consiste em entrar na cavidade abdominal e investigar as alterações existentes. São feitas três incisões de meio centímetro cada uma, em vez do tradicional corte abdominal de 25 centímetros ou mais, considerando-se um cão de 25kg. • Biópsia: Depois de investigar a cavidade, retira-se uma amostra de nódulo ou tumor para análise do tecido. Bastam duas incisões de meio centímetro. • Outras cirurgias: É o caso da esterilização em cadelas, da retirada de ovários remanescentes e de testículos ectópicos intra-abdominais. • Cirurgias mais complexas: Podem ser realizadas também a retirada de cálculos (em bexiga, ureter ou rim), a abertura de janela pericárdica, a oclusão de ducto torácico, a retirada de adrenal, a retirada do rim e outras cirurgias. Cenáriovideocirurgia veterinária ainda é pouco difundida no Brasil, oferecida por poucas clínicas particulares, diferentemente do que ocorre em países mais desenvolvidos. Por enquanto, não temos centros de treinamentos e capacitação para o trabalho com essa técnica, cujo aprendizado da correta operação da câmera e instrumentais é demorado. Em decorrência, há espaço para formação de veterinários cirurgiões e anestesistas treinados para a realização dos procedimentos. Acredita-se que, em um futuro próximo, cada vez mais as videocirurgias substituirão os métodos convencionais. Do ponto de vista de qualidade e expectativa de vida dos animais, será um grande avanço. A Strattner é uma empresa que atua no Brasil há 70 anos e representa exclusivamente a KARL STORZ, marca referência mundial em endoscopia e videocirurgia humana e animal. Possuímos um catálogo completo voltado apenas para a Medicina Veterinária. Para mais informações sobre as técnicas e suas vantagens entrar em contato com nossos especialistas através do nosso Fale Conosco

Matéria dos nossos clientes Dr. Paulo Vinícius Abbade Moreira Souza e Dr. Rogério Akio Nishimaru - Proprietários da Clínica Veterinária Pet Vida Campinas e EndoSolutions Vet - Revista Cães e Gatos.

Para saber outras informações acesse a categoria de Veterinária em nosso site.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×