Pesquisa avalia a telemedicina no Brasil

Comportamento, Tendências

Mais de 7,5 milhões de atendimentos via telemedicina foram realizados no país entre 2020 e 2021

De acordo com um levantamento feito pela Associação Brasileira de Empresas de Telemedicina e Saúde Digital (SDB), mais de 7,5 milhões de atendimentos via telemedicina foram realizados no Brasil entre 2020 e 2021. O recurso cresceu de forma acelerada devido à pandemia. Foi uma maneira da população preservar os cuidados médicos mantendo o distanciamento social.

Do total de teleatendimentos feitos no período analisado pelo estudo, 87% foram de primeiras consultas. A pesquisa também apurou o quanto elas foram eficazes. Tal indicador constatou que as consultas avulsas, de pronto atendimento, foram eficientes em 91% das vezes e, assim, o paciente não precisou recorrer ao pronto-socorro. Em relação à faixa etária das pessoas que usufruíram desse serviço, 84% tinham entre 16 e 65 anos, 8% tinham 65 anos ou mais e 7% eram menores de 16 anos.

 

Case Hospital Israelita Albert Einstein

Segundo o portal VivaBem (Uol), o primeiro projeto de telemedicina do Brasil foi implementado no Hospital Albert Einstein, em 2012, em parceria com o Hospital Municipal M'Boi Mirim, no qual médicos intensivistas receberam suporte de especialistas em neurologia do Einstein para casos de AVC.

Três anos depois, o centro médico inaugurou o primeiro serviço de teleUTI junto ao Ministério de Saúde. Em 2019, havia apenas 18 médicos dedicados à telemedicina na unidade, mas um ano depois, em meio à pandemia, esse número saltou para 180 profissionais e mais 20 intensivistas. Em paralelo, o Serviço de Pronto Atendimento Virtual chegou a receber 1,2 mil pacientes por mês em fevereiro de 2020 e, em maio do mesmo ano, atingiu a marca de 20 mil pessoas assistidas mensalmente.

Contudo, embora a telemedicina tenha ganhado muita força no país, a regulamentação definitiva dessa ferramenta médica ainda está em discussão no Congresso Nacional Brasileiro.

Conheça as nossas inovações para o setor da saúde.

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts
relacionados

Com a revolução tecnológica alguns dispositivos estão com os dias contados, não apenas dentro das nossas casas e escritórios, mas também nos hospitais.

Videocirurgia

10/08/2021

Evolução da videocirurgia na área da saúde

Com a revolução tecnológica alguns dispositivos estão com os dias contados, não apenas dentro das nossas casas e escritórios, mas também nos hospitais.

Leia mais
Tendência seguida pela saúde moderna evidencia a influência das novas tecnologias na tomada de decisão do paciente.

Comportamento

21/07/2021

Saúde e tecnologia: A Era dos pacientes digitais

Tendência seguida pela saúde moderna evidencia a influência das novas tecnologias na tomada de decisão do paciente.

Leia mais
A TI pode oferecer muitos benefícios para a gestão hospitalar, como prontuários eletrônicos, sistemas integrados, telemedicina e muito mais.

Gestão Hospitalar

05/09/2019

Usando a tecnologia da informação na área da saúde

A TI pode oferecer muitos benefícios para a gestão hospitalar, como prontuários eletrônicos, sistemas integrados, telemedicina e muito mais.

Leia mais