Nefrectomia parcial guiada por ultrassom na cirurgia robótica

Cirurgia Robótica, Ultrassom, Urologia
Tempo de leitura: 2 minutos

Muitos artigos científicos apresentam como indicação para a Nefrectomia parcial, o grupo de pacientes com tumor superficial e de até 04cm.
Hoje com a utilização do ultrassom intra-operatório é possível realizar a Nefrectomia parcial de modo seguro mesmo em tumores endofíticos, como demonstrado na imagem abaixo.

 

Guiado por ultrassom a Nefrectomia parcial torna-se mais rápida e segura:
A BK Medical, possui transdutores dedicados à cirurgia robótica, laparoscópica, além de transdutores para cirurgia aberta. Os transdutores são esterilizáveis, ou seja, não necessitam a utilização de capa protetora estéril e gel, isso garante maior qualidade de imagem, além disso não há possibilidade de contaminação por rompimento da capa protetora, garantindo maior segurança. Para os tumores renais endofíticos, é possível identificar o melhor ponto de ressecção, identificando os vasos adjacentes de modo a garantir aos pacientes o melhor resultado pós operatório com maior preservação de tecido sadio.

O renomado cirurgião, Dr José R. Colombo Jr. (foto à direita), fala sobre os benefícios da conexão do Ultrasssom BK Medical com o Robô da Vinci:

"O ultrassom conectado ao robô auxilia na identificação do tamanho, posição em relação ao rim e a distância da superfície e via excretora do tumor"
Dr. José R. Colombo Jr.
Urologista Proctor de cirurgia robótica do Hospital Israelita Albert Einstein/SP

Indocianina verde além do diagnóstico:
O Robô da Vinci, conta com a tecnologia Firefly que através da fluorescência permite visualização da perfusão renal apenas alguns segundos após a injeção endovenosa de indocianina verde no paciente. Isso permite ao cirurgião uma maior eficiência na identificação do tumor, e dessa forma assegurar maior remoção sem comprometer excessivamente a função renal e diminuir riscos de recidiva do tumor.

No console, durante o procedimento, o cirurgião consegue realizar a varredura com o transdutor robótico, delimitando as margens da lesão sem tirar o foco do paciente.


Confira nos vídeos conexão entre o ultrassom BK Medical com Robô da Vinci:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts
relacionados

A tecnologia de diagnóstico do câncer de bexiga utilizando a imagem por fluorescência guia o urologista nesta identificação.

Urologia

04/02/2021


Diagnóstico do câncer de bexiga por fluorescência
Tempo de leitura: 2 minutos

A tecnologia de diagnóstico do câncer de bexiga utilizando a imagem por fluorescência guia o urologista nesta identificação.

Leia mais
A válvula de uretra posterior (VUP) é uma malformação que ocorre durante o desenvolvimento do feto. Conheças causas e o tratamento!

Urologia

26/06/2019


O que é a válvula de uretra posterior?
Tempo de leitura: 2 minutos

A válvula de uretra posterior (VUP) é uma malformação que ocorre durante o desenvolvimento do feto. Conheças causas e o tratamento!

Leia mais
Conheça os principais sintomas, diagnóstico e as principais indicações de tratamento para o cálculo renal infantil.

Urologia

17/07/2018


O cálculo renal infantil - Sintomas, diagnóstico e tratamento
Tempo de leitura: 2 minutos

Conheça os principais sintomas, diagnóstico e as principais indicações de tratamento para o cálculo renal infantil.

Leia mais
A ressecção bipolar na urologia é indicada para o tratamento da Hiperplasia Prostática Benigna e para a ressecção de tumores de bexiga.

Urologia

02/02/2018


Hiperplasia prostática benigna com ressecção bipolar
Tempo de leitura: 2 minutos

A ressecção bipolar na urologia é indicada para o tratamento da Hiperplasia Prostática Benigna e para a ressecção de tumores de bexiga.

Leia mais