Diagnóstico do câncer de bexiga por fluorescência

Urologia, Videocirurgia

O Câncer de Bexiga ainda é pouco abordado quando o assunto é a saúde do homem. Mais de 150 mil casos por ano são registrados no Brasil, e assim como no câncer de próstata, a detecção precoce é a melhor e mais eficaz forma de tratamento e posterior cura.

A bexiga é um órgão muscular, responsável pelo armazenamento da urina, e as células tumorais normalmente se localizam na parede da mucosa.
Para garantir o diagnóstico precoce deste tipo de câncer, o urologista faz uso do cistoscópio, sistema de visualização endoscópica da bexiga, que conta com o auxílio de uma micro-câmera, atualmente de alta definição, incrementando a qualidade deste procedimento.

Este procedimento, ganha entretanto, novas ferramentas tecnológicas que permitem visualizar o padrão celular oncológico da bexiga.

Trata-se da imagem por fluorescência, que guia o urologista nesta identificação. No caso da cistoscopia, esta ferramenta chama-se Diagnóstico Foto Dinâmico(PDD).

Injeta-se na bexiga do paciente durante o procedimento (que é muito simples e requer apenas sedação), um contraste chamado ALA-5(Ácido 5 Aminolevulínico).
É utilizada uma fonte de luz para iluminação da cavidade, que gera uma iluminação próxima da frequência de infra-vermelho.
A câmera e o endoscópio também são especiais, pois possuem filtros que permitem enxergar esta iluminação que não é visível a olho nú.
O contraste reage, se pregando às células doentes, e a imagem registrará tais alterações, com uma coloração diferente. Ficará muito fácil a diferenciação das estruturas sadias e doentes, e como próximo passo, o urologista poderá fazer a ressecção da área acometida e retirar o tecido com achado oncológico.

Trata-se de uma tecnologia e técnica altamente difundida no exterior e que agora está disponível no Brasil.

 

A figura acima mostra de forma clara a marcação da estrutura doente, note que na imagem sem a fluorescência, a estrutura aparenta ser normal.

 

Equipamentos de Vídeo-Cistoscopia com PDD, já contemplando o sistema de ressecção.

 

Os homens após os 50 anos de idade devem ficar cada vez mais conscientes da necessidade de consultar um urologista regularmente e ao consultá-lo, procure saber mais sobre a cistoscopia com PDD.

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts
relacionados

Conheça os principais sintomas, diagnóstico e as principais indicações de tratamento para o cálculo renal infantil.

Urologia

17/07/2018

O cálculo renal infantil - Sintomas, diagnóstico e tratamento

Conheça os principais sintomas, diagnóstico e as principais indicações de tratamento para o cálculo renal infantil.

Leia mais
O câncer de bexiga acomete 3 vezes mais homens que mulheres e apresenta maior incidência em indivíduos acima dos 65 anos.

Câncer de Bexiga

30/10/2017

Câncer de Bexiga - Estadiamento, diagnóstico e tratamento

O câncer de bexiga acomete 3 vezes mais homens que mulheres e apresenta maior incidência em indivíduos acima dos 65 anos.

Leia mais
×